Aluna sorri enquanto trabalha com um computador ao lado de outros estudantes.
BNCC, autoria e tecnologias digitais: inspirações para criar e aprender

Período de realização: 17/01 a 14/02

BNCC, autoria e tecnologias digitais: inspirações para criar e aprender
Indique este curso:

Período de realização: 17/01 a 14/02


*** 100% gratuito | Alinhado à BNCC ***

A curiosidade e a autoria são motores da aprendizagem. Entre as muitas demandas do professor, cultivar a indagação genuína do estudante, permitir que expresse o que pensa e favorecer suas criações talvez sejam as mais importantes.

Nesta formação, trataremos da curiosidade, da autoria e das potencialidades trazidas pelas tecnologias digitais a esse convívio, tão esperado por nós, docentes, quanto frutífero para nossos alunos. O norte desta integração serão competências e habilidades previstas pela BNCC (Base Nacional Comum Curricular), abrangendo diferentes etapas da educação básica, áreas e eixos de atuação.

Exploraremos, juntos, plataformas para construir sites e ambientes virtuais de aprendizagem, sistemas para elaborar tarefas, missões e desafios, ferramentas para compartilhar ideias e gerar produções multimídia colaborativas, recursos para apoiar a autoria e a interação por meio da escrita, sistemas e aplicativos para criar quadrinhos, vídeos e peças gráficas.

>>> Para recomendar a colegas, clique nos ícones acima.

Como esse curso inova
Inova ao propor conexões entre a BNCC, práticas de autoria e elementos da cultura digital, favorecendo atitudes pedagógicas transformadoras, respaldando metodologias ativas de aprendizagem e fortalecendo o protagonismo dos estudantes.
14 de fevereiro a 14 de março

Eu achei ótimo: nunca tinha feito um curso tão completo e que me deu tantas ideias para trabalhar com os meus estudantes.

Francielia de Oliveira Costa, PB.

Objetivos

A partir do curso, espera-se que o educador:

  • explore o potencial construtivo das tecnologias digitais, encorajando a autoria dos estudantes;
  • promova novos letramentos em consonância com condutas éticas e responsáveis;
  • conheça as conexões entre a BNCC (Base Nacional Comum Curricular), processos e elementos da cultura digital;
  • experimente, conforme suas possibilidades, recursos e sistemas de produção e compartilhamento multimídia, como construtores de sites, ambientes virtuais de aprendizagem, editores colaborativos e ferramentas para criação de apresentações, tarefas, quadrinhos, vídeos e peças gráficas.

A partir da aplicação de aprendizagens construídas no curso pelo educador, espera-se que o estudante:

  • utilize tecnologias digitais para criar e compartilhar projetos de forma ética, crítica e responsável;
  • desenvolva produções autorais com coesão, coerência e adequação à finalidade de comunicação;
  • cultive e exercite a curiosidade e o pensamento inventivo independentemente da modalidade de ensino;
  • mostre-se capaz de continuar aprendendo por meio da exploração de recursos e sistemas de produção e compartilhamento multimídia, como construtores de sites, ambientes virtuais de aprendizagem, editores colaborativos e ferramentas para criação de apresentações, tarefas, quadrinhos, vídeos e peças gráficas;
  • demonstre disponibilidade de ajudar e ser ajudado em cenários de desafios e novidades, fortalecendo a competência de cooperação.

 

Alinhamento à BNCC

A cultura digital é tematizada já nas competências gerais da Educação Básica, que sintetizam os direitos de aprendizagem e desenvolvimento dos estudantes e que se articulam na construção de conhecimentos, habilidades, atitudes e valores, nos termos da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (BRASIL, 2018, p. 08 e 09).

Como afirmamos no texto de abertura dos Caminhos para a inovação da Plataforma Escolas Conectadas, é papel do docente se questionar continuamente sobre como um mundo conectado transforma a relação do aluno com o conhecimento. Desenvolver a fluência em novos letramentos em consonância com condutas éticas e responsáveis requer ação e reflexão dos estudantes. Para isso, paralelamente aos aspectos de acesso a informações, compartilhamento e comunicação, é preciso desvelar e experimentar com nossas turmas o potencial construtivo das tecnologias digitais - a autoria -, em alinhamento à perspectiva de Seymour Papert (1994), que defendia que a criança constrói tecnologia para aprender, em vez de ser ensinada por ela. 

A BNCC destaca a escola como espaço formador e orientador para a cidadania consciente, crítica e participativa (BRASIL, 2018, p. 62). Fortalece a autoria em diferentes âmbitos: no planejamento e na implementação de projetos, na escrita, na curadoria, na resolução de problemas, na criação artística, na expressão de ideias, hipóteses, vontades e sentimentos. 

 

Módulos

Módulo 1 – BNCC, autoria e cultura digital: promissores encontros

No módulo, são abordadas as conexões da Base com a autoria e as tecnologias digitais ao longo das etapas da Educação Básica, permeando áreas, competências específicas e habilidades dos diferentes componentes curriculares e objetivos de aprendizagem e desenvolvimento.

Módulo 2 – Espaços para aprender e compartilhar

No módulo 2, os professores participantes aprendem a construir espaços on-line para o compartilhamento e a publicação de informações, como websites e ambientes virtuais de aprendizagem.

Módulo 3 – Alunos escritores

No módulo 3, são explorados sistemas para apoiar a autoria e a interação por meio da escrita.

Módulo 4 – Elaborando desafios

O módulo 4 propõe a experimentação de recursos digitais para criar tarefas, pesquisas e desafios.

Módulo 5 – Planejando e construindo juntos

O módulo 5 convida à exploração de recursos para elaborar produções multimídia colaborativas.

Módulo 6 – Luz, câmera, criação!

No módulo 6, os participantes aprendem a compor e editar vídeos utilizando aplicativos e sistemas on-line.

Módulo 7 – Diversão quadro a quadro

No módulo 7, são abordados recursos para criar quadrinhos digitais.

Módulo 8 – Planejando e construindo juntos

O módulo 8 propõe a experimentação de ferramentas para produzir peças gráficas.

 


 

Atividade avaliativa

Para aprovação no curso, é necessário obter aproveitamento igual ou superior a 70% no questionário avaliativo final (instrumento único).

Conheça as principais características deste curso e encontre cursos semelhantes:
Carga Horária:
10 horas





Caminhos para a Inovação:
Cultura Digital Práticas Currículo

Autoria:

Patrícia Behling Schäfer


Certificação:

Centro Universitário Ítalo Brasileiro

Curso Gratuito
Certificado Incluso
Indique este curso:

Período de realização: 17/01 a 14/02


*** 100% gratuito | Alinhado à BNCC ***

A curiosidade e a autoria são motores da aprendizagem. Entre as muitas demandas do professor, cultivar a indagação genuína do estudante, permitir que expresse o que pensa e favorecer suas criações talvez sejam as mais importantes.

Nesta formação, trataremos da curiosidade, da autoria e das potencialidades trazidas pelas tecnologias digitais a esse convívio, tão esperado por nós, docentes, quanto frutífero para nossos alunos. O norte desta integração serão competências e habilidades previstas pela BNCC (Base Nacional Comum Curricular), abrangendo diferentes etapas da educação básica, áreas e eixos de atuação.

Exploraremos, juntos, plataformas para construir sites e ambientes virtuais de aprendizagem, sistemas para elaborar tarefas, missões e desafios, ferramentas para compartilhar ideias e gerar produções multimídia colaborativas, recursos para apoiar a autoria e a interação por meio da escrita, sistemas e aplicativos para criar quadrinhos, vídeos e peças gráficas.

>>> Para recomendar a colegas, clique nos ícones acima.

Como esse curso inova
Inova ao propor conexões entre a BNCC, práticas de autoria e elementos da cultura digital, favorecendo atitudes pedagógicas transformadoras, respaldando metodologias ativas de aprendizagem e fortalecendo o protagonismo dos estudantes.
14 de fevereiro a 14 de março

Eu achei ótimo: nunca tinha feito um curso tão completo e que me deu tantas ideias para trabalhar com os meus estudantes.

Francielia de Oliveira Costa, PB.

Objetivos

A partir do curso, espera-se que o educador:

  • explore o potencial construtivo das tecnologias digitais, encorajando a autoria dos estudantes;
  • promova novos letramentos em consonância com condutas éticas e responsáveis;
  • conheça as conexões entre a BNCC (Base Nacional Comum Curricular), processos e elementos da cultura digital;
  • experimente, conforme suas possibilidades, recursos e sistemas de produção e compartilhamento multimídia, como construtores de sites, ambientes virtuais de aprendizagem, editores colaborativos e ferramentas para criação de apresentações, tarefas, quadrinhos, vídeos e peças gráficas.

A partir da aplicação de aprendizagens construídas no curso pelo educador, espera-se que o estudante:

  • utilize tecnologias digitais para criar e compartilhar projetos de forma ética, crítica e responsável;
  • desenvolva produções autorais com coesão, coerência e adequação à finalidade de comunicação;
  • cultive e exercite a curiosidade e o pensamento inventivo independentemente da modalidade de ensino;
  • mostre-se capaz de continuar aprendendo por meio da exploração de recursos e sistemas de produção e compartilhamento multimídia, como construtores de sites, ambientes virtuais de aprendizagem, editores colaborativos e ferramentas para criação de apresentações, tarefas, quadrinhos, vídeos e peças gráficas;
  • demonstre disponibilidade de ajudar e ser ajudado em cenários de desafios e novidades, fortalecendo a competência de cooperação.

 

Alinhamento à BNCC

A cultura digital é tematizada já nas competências gerais da Educação Básica, que sintetizam os direitos de aprendizagem e desenvolvimento dos estudantes e que se articulam na construção de conhecimentos, habilidades, atitudes e valores, nos termos da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (BRASIL, 2018, p. 08 e 09).

Como afirmamos no texto de abertura dos Caminhos para a inovação da Plataforma Escolas Conectadas, é papel do docente se questionar continuamente sobre como um mundo conectado transforma a relação do aluno com o conhecimento. Desenvolver a fluência em novos letramentos em consonância com condutas éticas e responsáveis requer ação e reflexão dos estudantes. Para isso, paralelamente aos aspectos de acesso a informações, compartilhamento e comunicação, é preciso desvelar e experimentar com nossas turmas o potencial construtivo das tecnologias digitais - a autoria -, em alinhamento à perspectiva de Seymour Papert (1994), que defendia que a criança constrói tecnologia para aprender, em vez de ser ensinada por ela. 

A BNCC destaca a escola como espaço formador e orientador para a cidadania consciente, crítica e participativa (BRASIL, 2018, p. 62). Fortalece a autoria em diferentes âmbitos: no planejamento e na implementação de projetos, na escrita, na curadoria, na resolução de problemas, na criação artística, na expressão de ideias, hipóteses, vontades e sentimentos. 

 

Módulos

Módulo 1 – BNCC, autoria e cultura digital: promissores encontros

No módulo, são abordadas as conexões da Base com a autoria e as tecnologias digitais ao longo das etapas da Educação Básica, permeando áreas, competências específicas e habilidades dos diferentes componentes curriculares e objetivos de aprendizagem e desenvolvimento.

Módulo 2 – Espaços para aprender e compartilhar

No módulo 2, os professores participantes aprendem a construir espaços on-line para o compartilhamento e a publicação de informações, como websites e ambientes virtuais de aprendizagem.

Módulo 3 – Alunos escritores

No módulo 3, são explorados sistemas para apoiar a autoria e a interação por meio da escrita.

Módulo 4 – Elaborando desafios

O módulo 4 propõe a experimentação de recursos digitais para criar tarefas, pesquisas e desafios.

Módulo 5 – Planejando e construindo juntos

O módulo 5 convida à exploração de recursos para elaborar produções multimídia colaborativas.

Módulo 6 – Luz, câmera, criação!

No módulo 6, os participantes aprendem a compor e editar vídeos utilizando aplicativos e sistemas on-line.

Módulo 7 – Diversão quadro a quadro

No módulo 7, são abordados recursos para criar quadrinhos digitais.

Módulo 8 – Planejando e construindo juntos

O módulo 8 propõe a experimentação de ferramentas para produzir peças gráficas.

 


 

Atividade avaliativa

Para aprovação no curso, é necessário obter aproveitamento igual ou superior a 70% no questionário avaliativo final (instrumento único).

Conheça as principais características deste curso e encontre cursos semelhantes:
Carga Horária:
10 horas





Caminhos para a Inovação:
Cultura Digital Práticas Currículo

Autoria:

Patrícia Behling Schäfer


Certificação:

Centro Universitário Ítalo Brasileiro

BNCC, autoria e tecnologias digitais: inspirações para criar e aprender
Curso Gratuito
Certificado Incluso

Período de realização

17/01 a 14/02

Carga Horária

10h