Participe do sorteio: Transforme a educação e concorra a prêmios!

Participe do sorteio: Transforme a educação e concorra a prêmios! Quanto mais cursos você concluir, mais chances de ganhar.

Certificado De Autorização Secap/Me Nº 01.013577/2021

Três alunos escrevem em seus cadernos e professora os observa com corpo parcialmente inclinado sobre a mesa.
Escrita criativa: com a palavra, a autoria
Escrita criativa: com a palavra, a autoria
Indique este curso:

*** 100% gratuito | Alinhado à BNCC ***

Como educadores, queremos que nossos alunos vejam a escrita como fonte de expressão, prazer e informação. Queremos que desenvolvam a paixão por escrever. E onde a criatividade entra nesse contexto? Como a autoria e a imaginação contribuem para formar alunos escritores?

Na formação, vamos conhecer perspectivas de trabalho com escrita criativa, utilizando o apoio de meios de comunicação como quadrinhos, construções publicitárias e elementos do campo jornalístico-midiático.


Traremos orientações e inspirações para que a escola encoraje a aplicação efetiva do código escrito, não mais dirigido a um leitor isolado, papel muitas vezes desempenhado pelo professor, mas envolvido numa gama de intercâmbios. Também experimentaremos recursos de criação escrita adaptáveis às diferentes etapas da educação básica e aos modelos de ensino híbrido e remoto.

>>> Para recomendar a colegas, clique nos ícones acima.

Como esse curso inova
Inova ao trazer inspirações para subsidiar mudanças das práticas pedagógicas, propondo abordagens do estudo da língua que destacam a autoria, a criatividade e a comunicação.
11 de outubro a 08 de novembro

Vi a escrita com outro olhar: caminhos que vão entrelaçando o saber e tornando o aprendizado ímpar. Aqui não cabe mais um sujeito passivo e receptivo, e sim um indivíduo capaz de refletir, tendo um olhar amplo de todo o contexto que o envolve.

Sônia dos Santos Porto, ES.

OBJETIVOS

A partir do curso, espera-se que o professor:

  • construa estratégias para trabalhar com seus alunos tipos de textos e gêneros textuais de forma contextualizada e com foco na autoria;
  • conheça as potencialidades apresentadas pelos meios de comunicação para o auxílio ao desenvolvimento da escrita criativa;
  • tenha subsídios para implementar com os estudantes propostas de composição de peças digitais utilizando imagens e textos;
  • conheça as principais características das histórias em quadrinhos, suas possibilidades para o desenvolvimento da escrita e meios de implementar a prática de produção de quadrinhos com os alunos (incluindo recursos digitais).

A partir da aplicação de aprendizagens construídas no curso pelo educador, espera-se que o estudante:

  • seja sensibilizado para a importância da escrita como expressão do pensamento;
  • passe a escrever com o objetivo primordial de criação e comunicação;
  • conheça e mostre-se capaz de aplicar elementos para uma escrita autoral e criativa;
  • conheça e diferencie tipos textuais e gêneros em que se apresentam;
  • identifique e aplique elementos característicos dos textos de meios de comunicação (publicidade, jornalismo e quadrinhos, por exemplo);
  • tenha subsídios para compor peças, inclusive digitais, utilizando imagens e textos.

 

UNIDADES

Unidade 1: Conhecer bem para escrever melhor

A unidade 1 propõe a retomada dos conceitos de gênero e tipo textual e a exploração da variedade de textos existentes. São compartilhadas práticas, inspirações e ferramentas para realizar trabalhos com escrita criativa com os estudantes.

Unidade 2: Escrita e meios de comunicação - estratégias e possibilidades

Na unidade 2, são experimentadas inúmeras possibilidades apresentadas pelos meios de comunicação para o auxílio ao desenvolvimento da escrita criativa. São destacadas estratégias de mobilização da criatividade e da imaginação que estão na base da relação entre veículos, leitores e espectadores na publicidade, no jornalismo e em outros campos da comunicação social.

Unidade 3: Quadrinhos na sala de aula

A unidade 3 é dedicada ao mundo dos quadrinhos. Serão estudadas as características e técnicas de produção desse gênero textual que fascina múltiplas gerações. Também serão exploradas ferramentas tecnológicas, gratuitas e acessíveis, para criar quadrinhos digitais.

 

ALINHAMENTO COM A BNCC

Ao explorar a variedade (de formatos e objetivos) de textos existentes, incluindo gêneros e tipos textuais, a unidade 1 do curso focaliza a condição contextual das manifestações linguísticas, frutos de produções sócio-históricas e propulsoras da construção de identidades. A língua é não apenas objeto de conhecimento, como também meio primordial de sua construção. Busca-se, ao longo da formação, prover orientações e inspirações para que a escola encoraje a aplicação efetiva do código escrito, não mais dirigido a um leitor isolado, papel muitas vezes desempenhado pelo professor (ao receber, por exemplo, a redação do aluno em uma prática avaliativa), mas envolvido numa gama de intercâmbios. Essa rede pode incluir diversos atores, como colegas, amigos, comunidade e, com o apoio das tecnologias digitais, círculos dos mais variados. Investidas de sentido real (interagir e comunicar-se), as práticas de leitura, escrita e oralidade devem considerar a multiplicidade de situações comunicativas e de perfis de interlocutores, além de priorizar o compartilhamento ético e respeitoso de informações. De maneira semelhante à unidade 1, a segunda unidade da formação prioriza as competências de lectoescrita com propósito interacional, valendo-se dos recursos que os meios de comunicação de massa proporcionam. Tanto do ponto de vista da produção como da apreciação de peças publicitárias ou jornalísticas, o desenvolvimento da autonomia intelectual e da criticidade é solicitado. No campo da Arte, o trabalho com possibilidades dos meios de comunicação e das tecnologias da informação contribui com a compreensão de diferentes manifestações que, embora denotem cunho noticioso ou publicitário, compõem o acervo cultural de uma sociedade e colaboram, assim, com a constituição do repertório pessoal para a fruição de produções propriamente artísticas. Ainda do ponto de vista da análise de exemplares de produções jornalísticas e publicitárias, a unidade 2 subsidia o estabelecimento de conexões e de diferenciações entre arte e mídia. A exemplo das unidades 1 e 2, a terceira unidade do curso, ao explorar as potencialidades pedagógicas dos quadrinhos, abre espaço para experiências lúdicas, para a autoria e a imaginação. As charges e os cartuns mobilizam, ainda, a problematização de questões sociais relevantes, de ordem política, econômica e cultural, por exemplo. Incentivam, assim, também o desenvolvimento da crítica e da autonomia intelectual.

 


 

ATIVIDADE AVALIATIVA

Criando sua HQ ou “super escrita”

Opção 1: criação e compartilhamento de uma história em quadrinhos (física ou digital) sobre o tema "a imaginação na escola".

Opção 2: criação e compartilhamento de uma sequência de pelo menos dois parágrafos para a crônica apresentada, compondo a continuidade da história.

Conheça as principais características deste curso e encontre cursos semelhantes:
Carga Horária:
20 horas


Modalidade:
Mediado



Caminhos para a Inovação:
Práticas Currículo

Autoria:

Profa. Dra. Silvia de Oliveira Kist, Profa. Dra. Alexandra Lorandi Macedo e Profa. Dra. Patrícia Behling Schäfer


Certificação:

Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

Curso Gratuito
Certificado Incluso
Indique este curso:

*** 100% gratuito | Alinhado à BNCC ***

Como educadores, queremos que nossos alunos vejam a escrita como fonte de expressão, prazer e informação. Queremos que desenvolvam a paixão por escrever. E onde a criatividade entra nesse contexto? Como a autoria e a imaginação contribuem para formar alunos escritores?

Na formação, vamos conhecer perspectivas de trabalho com escrita criativa, utilizando o apoio de meios de comunicação como quadrinhos, construções publicitárias e elementos do campo jornalístico-midiático.


Traremos orientações e inspirações para que a escola encoraje a aplicação efetiva do código escrito, não mais dirigido a um leitor isolado, papel muitas vezes desempenhado pelo professor, mas envolvido numa gama de intercâmbios. Também experimentaremos recursos de criação escrita adaptáveis às diferentes etapas da educação básica e aos modelos de ensino híbrido e remoto.

>>> Para recomendar a colegas, clique nos ícones acima.

Como esse curso inova
Inova ao trazer inspirações para subsidiar mudanças das práticas pedagógicas, propondo abordagens do estudo da língua que destacam a autoria, a criatividade e a comunicação.
11 de outubro a 08 de novembro

Vi a escrita com outro olhar: caminhos que vão entrelaçando o saber e tornando o aprendizado ímpar. Aqui não cabe mais um sujeito passivo e receptivo, e sim um indivíduo capaz de refletir, tendo um olhar amplo de todo o contexto que o envolve.

Sônia dos Santos Porto, ES.

OBJETIVOS

A partir do curso, espera-se que o professor:

  • construa estratégias para trabalhar com seus alunos tipos de textos e gêneros textuais de forma contextualizada e com foco na autoria;
  • conheça as potencialidades apresentadas pelos meios de comunicação para o auxílio ao desenvolvimento da escrita criativa;
  • tenha subsídios para implementar com os estudantes propostas de composição de peças digitais utilizando imagens e textos;
  • conheça as principais características das histórias em quadrinhos, suas possibilidades para o desenvolvimento da escrita e meios de implementar a prática de produção de quadrinhos com os alunos (incluindo recursos digitais).

A partir da aplicação de aprendizagens construídas no curso pelo educador, espera-se que o estudante:

  • seja sensibilizado para a importância da escrita como expressão do pensamento;
  • passe a escrever com o objetivo primordial de criação e comunicação;
  • conheça e mostre-se capaz de aplicar elementos para uma escrita autoral e criativa;
  • conheça e diferencie tipos textuais e gêneros em que se apresentam;
  • identifique e aplique elementos característicos dos textos de meios de comunicação (publicidade, jornalismo e quadrinhos, por exemplo);
  • tenha subsídios para compor peças, inclusive digitais, utilizando imagens e textos.

 

UNIDADES

Unidade 1: Conhecer bem para escrever melhor

A unidade 1 propõe a retomada dos conceitos de gênero e tipo textual e a exploração da variedade de textos existentes. São compartilhadas práticas, inspirações e ferramentas para realizar trabalhos com escrita criativa com os estudantes.

Unidade 2: Escrita e meios de comunicação - estratégias e possibilidades

Na unidade 2, são experimentadas inúmeras possibilidades apresentadas pelos meios de comunicação para o auxílio ao desenvolvimento da escrita criativa. São destacadas estratégias de mobilização da criatividade e da imaginação que estão na base da relação entre veículos, leitores e espectadores na publicidade, no jornalismo e em outros campos da comunicação social.

Unidade 3: Quadrinhos na sala de aula

A unidade 3 é dedicada ao mundo dos quadrinhos. Serão estudadas as características e técnicas de produção desse gênero textual que fascina múltiplas gerações. Também serão exploradas ferramentas tecnológicas, gratuitas e acessíveis, para criar quadrinhos digitais.

 

ALINHAMENTO COM A BNCC

Ao explorar a variedade (de formatos e objetivos) de textos existentes, incluindo gêneros e tipos textuais, a unidade 1 do curso focaliza a condição contextual das manifestações linguísticas, frutos de produções sócio-históricas e propulsoras da construção de identidades. A língua é não apenas objeto de conhecimento, como também meio primordial de sua construção. Busca-se, ao longo da formação, prover orientações e inspirações para que a escola encoraje a aplicação efetiva do código escrito, não mais dirigido a um leitor isolado, papel muitas vezes desempenhado pelo professor (ao receber, por exemplo, a redação do aluno em uma prática avaliativa), mas envolvido numa gama de intercâmbios. Essa rede pode incluir diversos atores, como colegas, amigos, comunidade e, com o apoio das tecnologias digitais, círculos dos mais variados. Investidas de sentido real (interagir e comunicar-se), as práticas de leitura, escrita e oralidade devem considerar a multiplicidade de situações comunicativas e de perfis de interlocutores, além de priorizar o compartilhamento ético e respeitoso de informações. De maneira semelhante à unidade 1, a segunda unidade da formação prioriza as competências de lectoescrita com propósito interacional, valendo-se dos recursos que os meios de comunicação de massa proporcionam. Tanto do ponto de vista da produção como da apreciação de peças publicitárias ou jornalísticas, o desenvolvimento da autonomia intelectual e da criticidade é solicitado. No campo da Arte, o trabalho com possibilidades dos meios de comunicação e das tecnologias da informação contribui com a compreensão de diferentes manifestações que, embora denotem cunho noticioso ou publicitário, compõem o acervo cultural de uma sociedade e colaboram, assim, com a constituição do repertório pessoal para a fruição de produções propriamente artísticas. Ainda do ponto de vista da análise de exemplares de produções jornalísticas e publicitárias, a unidade 2 subsidia o estabelecimento de conexões e de diferenciações entre arte e mídia. A exemplo das unidades 1 e 2, a terceira unidade do curso, ao explorar as potencialidades pedagógicas dos quadrinhos, abre espaço para experiências lúdicas, para a autoria e a imaginação. As charges e os cartuns mobilizam, ainda, a problematização de questões sociais relevantes, de ordem política, econômica e cultural, por exemplo. Incentivam, assim, também o desenvolvimento da crítica e da autonomia intelectual.

 


 

ATIVIDADE AVALIATIVA

Criando sua HQ ou “super escrita”

Opção 1: criação e compartilhamento de uma história em quadrinhos (física ou digital) sobre o tema "a imaginação na escola".

Opção 2: criação e compartilhamento de uma sequência de pelo menos dois parágrafos para a crônica apresentada, compondo a continuidade da história.

Conheça as principais características deste curso e encontre cursos semelhantes:
Carga Horária:
20 horas


Modalidade:
Mediado



Caminhos para a Inovação:
Práticas Currículo

Autoria:

Profa. Dra. Silvia de Oliveira Kist, Profa. Dra. Alexandra Lorandi Macedo e Profa. Dra. Patrícia Behling Schäfer


Certificação:

Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

Escrita criativa: com a palavra, a autoria
Curso Gratuito
Certificado Incluso

Carga Horária

20h