Participe do sorteio: Transforme a educação e concorra a prêmios!

Participe do sorteio: Transforme a educação e concorra a prêmios! Quanto mais cursos você concluir, mais chances de ganhar.

Certificado De Autorização Secap/Me Nº 01.013577/2021

Professora, de pé, mostra revista a duas alunas, que estão sentadas próximas de um terceiro aluno, o qual folheia outra publicação.
Produção textual na Cultura Digital
Produção textual na Cultura Digital
Indique este curso:

*** 100% gratuito | Alinhado à BNCC ***

O que muda na escrita em um mundo inteiramente conectado? Como ajudar nossos alunos a desenvolver competências de escrita e leitura que os preparem para esse novo mundo? E de que forma aproveitar as habilidades de comunicação de que os aprendizes já dispõem para torná-los escritores e criadores para a vida? Como a cultura digital pode contribuir com essa missão?

Neste curso, serão introduzidas algumas ferramentas tecnológicas capazes de potencializar o fascinante processo da produção textual, ainda mais relevantes no contexto atual, em que vivenciamos o ensino remoto e o ensino híbrido como importantes alternativas para o desenvolvimento das aprendizagens dos estudantes. Você poderá experimentar com seus alunos recursos como avatares, nuvens de palavras e sistemas de criação de páginas, fazendo destas possibilidades o ponto de partida ou de chegada de uma escrita criativa.


>>> Para recomendar a colegas, clique nos ícones acima.

Como esse curso inova
Inova ao trazer inspirações para subsidiar mudanças das práticas pedagógicas, propondo abordagens do estudo da língua que destacam a autoria, a criatividade e a comunicação.
22 de novembro a 20 de dezembro

Já fazia um tempo que eu pesquisava e não achava coisas com aplicação na sala de aula. Quando vi esse curso era exatamente o que eu precisava, tinha ações concretas, como a Nuvem de Palavras. Dá para fazer em qualquer formato, tem vários sites que você pode usar para construir.

Antônio César Gomes de Silva, MT.

OBJETIVOS

A partir do curso, espera-se que o professor:

  • encoraje a produção textual orientada pelos objetivos de criação e interação por parte dos aprendizes;
  • possa auxiliar os estudantes no desenvolvimento de competências de escrita e leitura adequadas a diferentes situações comunicacionais, inclusas aquelas características da cultura digital;
  • conheça e aplique recursos e estratégias para produzir textos mediados por tecnologias digitais, como avatares e nuvens de palavras.

A partir da aplicação de aprendizagens construídas no curso pelo educador, espera-se que o estudante:

  • desenvolva competências de escrita e leitura adequadas a situações comunicacionais típicas da cultura digital;
  • passe a escrever com o objetivo primordial de criação e comunicação;
  • conheça e aplique recursos e estratégias para produzir textos mediados por tecnologias digitais, como avatares e nuvens de palavras;
  • conheça e faça uso de canais de interação e compartilhamento de conteúdos na Internet.

 

UNIDADES

Unidade 1: Produção textual na cultura digital

Na unidade, são discutidas as características e possibilidades da escrita mediada pelas tecnologias digitais para a aprendizagem e o desenvolvimento de competências linguísticas dos alunos. São experimentados, entre outros recursos, espaços de escrita colaborativa e ferramentas para a construção de canais de interação e compartilhamento de conteúdos na internet. Também são examinados hábitos que a escrita e a leitura na cultura digital inauguram, bem como formas de explorá-los com nossos aprendizes.

Unidade 2: Nuvem de palavras

Na unidade 2, a produção textual é vivenciada a partir de nuvens de palavras. São compartilhadas ações, inspirações e aprendizagens com base na utilização desse recurso tecnológico.

Unidade 3: Avatares animados

Na unidade 3, são analisadas possibilidades de apoio ao desenvolvimento da produção textual a partir da criação de avatares animados, sobretudo com locução realizada a partir da digitação. Também são compartilhadas referências de construtores de personagens animados para aplicação em ambientes digitais.

 

ALINHAMENTO À BNCC

Ao tratar de ferramentas para a construção de canais de interação e compartilhamento, espaços de produção textual colaborativa e hábitos de escrita inaugurados pela cultura digital, a formação contribui com a mobilização de diferentes competências previstas pela BNCC para os componentes curriculares de Língua Portuguesa e Arte no ensino fundamental. A apropriação da linguagem escrita com a finalidade de interação, viabilizando a participação na cultura letrada e a construção de conhecimentos, talvez seja a maior delas. A utilização do código em diferentes campos e mídias, inclusos os meios digitais, com fluência e autonomia, é outro aspecto relevante. As múltiplas alternativas de troca e compartilhamento – de ideias, sentimentos e experiências – ampliam as próprias possibilidades de desenvolvimento da língua, assim como da autonomia, que se relaciona diretamente com o posicionamento ético e a postura crítica. Fortalecem, portanto, o texto como lugar de manifestação e negociação de sentidos, de autoria e de reflexão sobre o mundo. De maneira semelhante, o componente de Arte abrange e encoraja o desenvolvimento da compreensão sobre práticas integradas de linguagem, mediadas também pelas novas tecnologias de informação e comunicação. Em projetos que convidam à autoria e à manifestação pessoal e coletiva, como aqueles abordados ao longo do curso, arte e linguagens de outros campos conectam-se e se enriquecem mutuamente. São propostas que permitem experienciar a ludicidade, a percepção, a expressividade e a imaginação.

No ensino médio, na área de Linguagens e suas Tecnologias (BRASIL, 2018, p. 490), as aprendizagens do curso conectam-se à competência de compreensão do funcionamento das diferentes linguagens e práticas culturais e de mobilização desses conhecimentos na recepção e produção de discursos nos diferentes campos de atuação social e nas diversas mídias e à competência de utilização de diferentes linguagens para exercer, com autonomia e colaboração, protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva, de forma crítica, criativa, ética e solidária. Incentivam a apreciação estética de produções artísticas e culturais, considerando suas características locais, regionais e globais, assim como a mobilização de conhecimentos sobre linguagens artísticas para significar e (re)construir produções, com respeito à diversidade de saberes, identidades e culturas. Também encorajam a mobilização de práticas de linguagem no universo digital para expandir as formas de produzir sentidos, de engajar-se em práticas autorais e coletivas, e de aprender a aprender nos campos da ciência, cultura, trabalho, informação e vida pessoal e coletiva.

 


 

ATIVIDADE AVALIATIVA

Avatar e nuvem de palavras

Opção 1: construção e compartilhamento de um avatar que responda às questões propostas, concernentes aos impactos das tecnologias digitais sobre o desenvolvimento da escrita.

Opção 2: elaboração de um texto que responda às questões previamente apresentadas, confecção de uma nuvem de palavras com base na produção e compartilhamento dos resultados: texto original e nuvem gerada a partir dele.

Conheça as principais características deste curso e encontre cursos semelhantes:
Carga Horária:
20 horas


Modalidade:
Mediado



Caminhos para a Inovação:
Cultura Digital Práticas Currículo

Autoria:

Profa. Dra. Silvia de Oliveira Kist, Profa. Dra. Alexandra Lorandi Macedo e Profa. Dra. Patrícia Behling Schäfer


Certificação:

Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

Curso Gratuito
Certificado Incluso
Indique este curso:

*** 100% gratuito | Alinhado à BNCC ***

O que muda na escrita em um mundo inteiramente conectado? Como ajudar nossos alunos a desenvolver competências de escrita e leitura que os preparem para esse novo mundo? E de que forma aproveitar as habilidades de comunicação de que os aprendizes já dispõem para torná-los escritores e criadores para a vida? Como a cultura digital pode contribuir com essa missão?

Neste curso, serão introduzidas algumas ferramentas tecnológicas capazes de potencializar o fascinante processo da produção textual, ainda mais relevantes no contexto atual, em que vivenciamos o ensino remoto e o ensino híbrido como importantes alternativas para o desenvolvimento das aprendizagens dos estudantes. Você poderá experimentar com seus alunos recursos como avatares, nuvens de palavras e sistemas de criação de páginas, fazendo destas possibilidades o ponto de partida ou de chegada de uma escrita criativa.


>>> Para recomendar a colegas, clique nos ícones acima.

Como esse curso inova
Inova ao trazer inspirações para subsidiar mudanças das práticas pedagógicas, propondo abordagens do estudo da língua que destacam a autoria, a criatividade e a comunicação.
22 de novembro a 20 de dezembro

Já fazia um tempo que eu pesquisava e não achava coisas com aplicação na sala de aula. Quando vi esse curso era exatamente o que eu precisava, tinha ações concretas, como a Nuvem de Palavras. Dá para fazer em qualquer formato, tem vários sites que você pode usar para construir.

Antônio César Gomes de Silva, MT.

OBJETIVOS

A partir do curso, espera-se que o professor:

  • encoraje a produção textual orientada pelos objetivos de criação e interação por parte dos aprendizes;
  • possa auxiliar os estudantes no desenvolvimento de competências de escrita e leitura adequadas a diferentes situações comunicacionais, inclusas aquelas características da cultura digital;
  • conheça e aplique recursos e estratégias para produzir textos mediados por tecnologias digitais, como avatares e nuvens de palavras.

A partir da aplicação de aprendizagens construídas no curso pelo educador, espera-se que o estudante:

  • desenvolva competências de escrita e leitura adequadas a situações comunicacionais típicas da cultura digital;
  • passe a escrever com o objetivo primordial de criação e comunicação;
  • conheça e aplique recursos e estratégias para produzir textos mediados por tecnologias digitais, como avatares e nuvens de palavras;
  • conheça e faça uso de canais de interação e compartilhamento de conteúdos na Internet.

 

UNIDADES

Unidade 1: Produção textual na cultura digital

Na unidade, são discutidas as características e possibilidades da escrita mediada pelas tecnologias digitais para a aprendizagem e o desenvolvimento de competências linguísticas dos alunos. São experimentados, entre outros recursos, espaços de escrita colaborativa e ferramentas para a construção de canais de interação e compartilhamento de conteúdos na internet. Também são examinados hábitos que a escrita e a leitura na cultura digital inauguram, bem como formas de explorá-los com nossos aprendizes.

Unidade 2: Nuvem de palavras

Na unidade 2, a produção textual é vivenciada a partir de nuvens de palavras. São compartilhadas ações, inspirações e aprendizagens com base na utilização desse recurso tecnológico.

Unidade 3: Avatares animados

Na unidade 3, são analisadas possibilidades de apoio ao desenvolvimento da produção textual a partir da criação de avatares animados, sobretudo com locução realizada a partir da digitação. Também são compartilhadas referências de construtores de personagens animados para aplicação em ambientes digitais.

 

ALINHAMENTO À BNCC

Ao tratar de ferramentas para a construção de canais de interação e compartilhamento, espaços de produção textual colaborativa e hábitos de escrita inaugurados pela cultura digital, a formação contribui com a mobilização de diferentes competências previstas pela BNCC para os componentes curriculares de Língua Portuguesa e Arte no ensino fundamental. A apropriação da linguagem escrita com a finalidade de interação, viabilizando a participação na cultura letrada e a construção de conhecimentos, talvez seja a maior delas. A utilização do código em diferentes campos e mídias, inclusos os meios digitais, com fluência e autonomia, é outro aspecto relevante. As múltiplas alternativas de troca e compartilhamento – de ideias, sentimentos e experiências – ampliam as próprias possibilidades de desenvolvimento da língua, assim como da autonomia, que se relaciona diretamente com o posicionamento ético e a postura crítica. Fortalecem, portanto, o texto como lugar de manifestação e negociação de sentidos, de autoria e de reflexão sobre o mundo. De maneira semelhante, o componente de Arte abrange e encoraja o desenvolvimento da compreensão sobre práticas integradas de linguagem, mediadas também pelas novas tecnologias de informação e comunicação. Em projetos que convidam à autoria e à manifestação pessoal e coletiva, como aqueles abordados ao longo do curso, arte e linguagens de outros campos conectam-se e se enriquecem mutuamente. São propostas que permitem experienciar a ludicidade, a percepção, a expressividade e a imaginação.

No ensino médio, na área de Linguagens e suas Tecnologias (BRASIL, 2018, p. 490), as aprendizagens do curso conectam-se à competência de compreensão do funcionamento das diferentes linguagens e práticas culturais e de mobilização desses conhecimentos na recepção e produção de discursos nos diferentes campos de atuação social e nas diversas mídias e à competência de utilização de diferentes linguagens para exercer, com autonomia e colaboração, protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva, de forma crítica, criativa, ética e solidária. Incentivam a apreciação estética de produções artísticas e culturais, considerando suas características locais, regionais e globais, assim como a mobilização de conhecimentos sobre linguagens artísticas para significar e (re)construir produções, com respeito à diversidade de saberes, identidades e culturas. Também encorajam a mobilização de práticas de linguagem no universo digital para expandir as formas de produzir sentidos, de engajar-se em práticas autorais e coletivas, e de aprender a aprender nos campos da ciência, cultura, trabalho, informação e vida pessoal e coletiva.

 


 

ATIVIDADE AVALIATIVA

Avatar e nuvem de palavras

Opção 1: construção e compartilhamento de um avatar que responda às questões propostas, concernentes aos impactos das tecnologias digitais sobre o desenvolvimento da escrita.

Opção 2: elaboração de um texto que responda às questões previamente apresentadas, confecção de uma nuvem de palavras com base na produção e compartilhamento dos resultados: texto original e nuvem gerada a partir dele.

Conheça as principais características deste curso e encontre cursos semelhantes:
Carga Horária:
20 horas


Modalidade:
Mediado



Caminhos para a Inovação:
Cultura Digital Práticas Currículo

Autoria:

Profa. Dra. Silvia de Oliveira Kist, Profa. Dra. Alexandra Lorandi Macedo e Profa. Dra. Patrícia Behling Schäfer


Certificação:

Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

Produção textual na Cultura Digital
Curso Gratuito
Certificado Incluso

Carga Horária

20h