Leve a inclusão para a realidade da escola!

Leve a inclusão para a realidade da escola!

+
14/04/2023

Conheça o exemplo da professora Carla Arrais, que criou um projeto de leitura que explora diferentes ambientes da escola e promove a inclusão de pessoas com deficiência

 

A professora Carla Arrais dos Reis Corrêa (41) tem experiência de 18 anos em educação, na cidade de São Luís de Montes Belos (GO). Mas desde 2019, ela atua diretamente na educação inclusiva. Ao conhecer a plataforma Escolas Conectadas por meio da Regional de Educação do município e pelas redes sociais, Carla encontrou formações gratuitas para aprender mais sobre a área em que passou a trabalhar.

O curso Escola para todos: inclusão de pessoas com deficiência foi o escolhido pela educadora para tornar mais inclusivas as suas práticas pedagógicas. 

“Toda a temática contribuiu bastante para que eu pudesse aperfeiçoar minhas técnicas ao aplicar as metodologias propostas aos meus alunos, de forma que ficassem bem mais claras e compreensíveis para todos”, conta Carla sobre sua experiência na plataforma. 

Graduada em Pedagogia, Matemática e Geografia e pós-graduada em Psicopedagogia, Carla é professora na Sala de Recursos Multifuncionais de atendimento educacional especializado (AEE) do Centro de Ensino CEPI São Sebastião. Ela atende todos os alunos do Ensino Fundamental 2 com algum tipo de deficiência.

Além da pertinência do tema e de fácil acesso a todos os conteúdos do curso, Carla destaca “a clareza dos textos em relação ao assunto central, além das dicas transmitidas e que foram de grande valia para que eu trabalhasse na inclusão". 

 

Atualização constante de educadores

Desde quando a Lei Brasileira de Inclusão (LBI) foi aprovada, em 2015, as escolas tiveram que garantir o acesso à educação às pessoas com deficiência e a introdução de práticas inclusivas. A determinação garante a matrícula de pessoas com deficiência em qualquer escola da rede pública brasileira.

No entanto, esse movimento, se não for bem estabelecido, acaba por se tornar apenas uma integração entre as pessoas, reproduzindo conceitos capacitistas, de que pessoas diferentes não têm as mesmas capacidades. Dessa forma, crianças e jovens deficientes são separados e excluídos das atividades escolares e todos os estudantes são privados de conviver com a diversidade, tão natural na sociedade.

É dever do Estado promover a infraestrutura e a capacitação de profissionais necessárias para garantir a inclusão. Mas também cabe aos educadores o dever de se atualizar para levar as práticas inclusivas como atividades de participação de toda a comunidade escolar. Isso inclui as informações necessárias aos pais e o desenvolvimento de habilidades sociais em todos os alunos.

Leia mais: Por que precisamos falar sobre educação inclusiva?

 

Projeto inclusivo de leitura

A inclusão deve ser uma atitude prática e diária, mas também pode estar presente em grandes iniciativas na escola. Esse é o caso do “Projeto Momento do Reconto”, desenvolvido pela professora Carla Arrais para todos os alunos da escola em que leciona, incluindo os estudantes da sala de recursos. 

A educadora desenvolveu a atividade depois de ter realizado a formação Escola para todos: inclusão de pessoas com deficiência aqui na plataforma Escolas Conectadas. 

“O objetivo do projeto foi incentivar os alunos a frequentarem a biblioteca e se tornarem leitores natos”, explica. 

A proposta era convidá-los a saírem das salas de aula por breves momentos para que pudessem dar início a novas leituras e compartilhar suas experiências em conjunto. 

“Os momentos foram muito proveitosos e bem aceitos por todos, especialmente pelos estudantes da inclusão, que puderam explorar novos ambientes e recursos”, completa a educadora. 

Leia mais: Inovação e tecnologia contribuem na inclusão de alunos com deficiência

 

Escola para todos

A formação Escola para todos: inclusão de pessoas com deficiência, realizada pela professora Carla, está disponível totalmente on-line e gratuitamente na plataforma Escolas Conectadas. O curso tem um total de 50 horas de carga horária, mediadas por um professor.  A ideia é instigar você, educador, a refletir e propor soluções de inclusão para o novo contexto digital da educação.

Você vai entender conceitos e contextos da educação inclusiva em diferentes realidades e panoramas sociais. Além disso, vai se inspirar com formas novas de abordar a educação inclusiva e promover a inclusão nas escolas levando em consideração todos os desafios e potencialidades desse processo. 

Conheça o curso, inscreva-se e compartilhe conosco seus resultados!

 

ESSE CONTEÚDO FOI INSPIRADOR?

Comentários - 13


Diego Darío álvarez
18/04/23 11:50
Muito obrigado, amigos.
Gláucio Márcio Félix da Cunha
18/04/23 11:55
.
Miriam de Fátima Rodrigues
18/04/23 14:22
Hoje mais do que nunca, ha a necessidade de se informar como lidar com crianças de inclusão. Os "filhos da pandemia" precisam muito de carinho e atenção, pois muitas crianças estão com diagnóstico de TEA, e a maioria de professores não estão sabendo como lidar. Parabéns pela iniciativa.
Ernesta da Silva Araujo
18/04/23 16:21
sim! obrigada.
Maria Nilda Xavier Silva
18/04/23 19:45
Hoje mais do nunca existe a necessidade da troca de experiências para melhorar o ensino e aprendizagem das pessoas com deficiência. Sabemos que houve um grande aumento de crianças com diagnóstico de TEA nos últimos anos , e a maior parte dos professores não estão preparados para essa realidade. 
Daniara Azeredo Santos
23/04/23 20:32
Maravilhoso projeto ! As crianças necessitam ser motivadas para a leitura pois com tanta tecnologia não tem o hábito de ler livros impressos.
Antonia Soares Vieira Ximenes
03/05/23 21:40
Precisamos de conhecimento e experiência para  melhor  compreender  as diferenças. 
Agda Nonata da Cruz
04/05/23 22:21
Precisamos fazer a diferença 
Maria Angela de Arruda Bastos
09/05/23 18:48
Todos os dias deparamos com estudantes que precisam ser incluídos no ambiente educacional e é de grande valia  essa temática. 
Jefferson Barbosa Venâncio
15/05/23 12:59
Boa tarde!
A inclusão é muito importante pra se concretizar a justiça social no Brasil. A garantia de inserção desses brasileiros a sociedade com seus direitos.
Joana Darc Cardoso do Prado
25/07/23 11:02
quero fazer

Leonora Morais de Almeida Rocha
03/10/23 07:20
Quero fazer esse curso 
Rosane Gomes França
05/12/23 22:51
quero fazer esse curso

Conteúdos recentes