Mulheres são maioria na sala de aula e na plataforma Escolas Conectadas

mulheresmaioria
Em 2019, 84% do público da plataforma Escolas Conectadas era composto por mulheres, dado que reforça a presença feminina na docência da educação básica, de 80% no país de acordo com o Censo Escolar 2018

E no mês do Dia Internacional da Mulher, gostaríamos de compartilhar algumas histórias de mulheres, que inspiradas por práticas pedagógicas dos cursos da plataforma, transformaram a educação tradicional para proporcionar experiências diferenciadas aos seus alunos, considerando as demandas da sociedade contemporânea e de uma educação inclusiva e equitativa

Histórias como a da professora Marilene, de Urucará/AM, que “Aliando a tecnologia ao ensino”, contou um pouco como foi propor aos seus alunos sair da sala de aula para fotografar os arredores da escola na disciplina Ensino das Artes. Ou na sala da professora Graça, de Itapetinga/BA, que é pedagoga e especializada em ensino a distância; leitura, escrita e sociedade; e gestão escolar, buscou formações focadas em questões sociais de seus alunos, como a formação Escola para todos: promovendo uma educação antirracista. 

Convidamos também a assistir três episódios da Websérie Escolas Conectadas, nos quais, educadoras buscam abordar temáticas relevantes para a sala de aula, que impactem concretamente o dia a dia com os estudantes e que inspirem novas possibilidades pedagógicas nas diferentes áreas do conhecimento. 

Como a Professora Sônia Porto, que trabalha em duas escolas de Guarapari/ES, conta como lidar com uma nova geração após 30 anos de profissão e como conseguiu ter um novo olhar após fazer cursos da plataforma. A Professora Elenice Costa, que trabalha em Goiânia/GO, nos mostra como desenvolveu a sua autonomia por meio dos cursos do Escolas Conectadas. E a Gestora Fátima Hammes, que cuida de uma escola em Caçador/SC, conta como os cursos da plataforma contribuíram, a seu ver, para melhorias em suas práticas pedagógicas e para a atualização constante que a docência exige. 

E, por acreditar na importância da educação como agente de mudança, a plataforma Escolas Conectadas, iniciativa ProFuturo, da Fundação Telefônica Vivo e ‘La Caixa’, disponibiliza diferentes cursos gratuitos para capacitar professores de todas as regiões do país a fim de incentivar uma educação mais inclusiva, tecnológica e inovadora.

Se você também se motivou a aprender com os cursos do Escolas Conectadas, confira as turmas abertas e inscreva-se!

Conteúdos relacionados