Conheça a importância da educação antirracista no ambiente escolar

+
18/11/2022

Saiba como a professora Ana Paula Silva utiliza a educação antirracista para trabalhar a valorização e autoestima dos alunos

Promover uma educação antirracista é um compromisso que, para dar certo, precisa contar com o esforço conjunto de todos os envolvidos no processo de ensino e aprendizagem. Afinal, quando se fala em estratégias de combate ao racismo, deve-se ter em mente que discurso e prática precisam andar lado a lado.

É o que afirma a professora Ana Paula Silva, 28, de Natal (RN). A educadora atua na rede pública de Natal dando apoio pedagógico a alunos típicos e atípicos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I e II. A professora comenta que sentiu que havia uma dissonância entre a diversidade de alunos que encontrava em sala de aula e os conhecimentos que eram transmitidos aos estudantes.

“Escolhi o curso da plataforma Escolas Conectadas pelo fato de estar em uma sociedade racista e preconceituosa, em que todos possuem uma visão minúscula de quem se é, de onde se vive e do que se pode ser. Cerca de 95% dos meus alunos são negros, porém não conhecem suas origens, cultura, história, valores e conceitos”, declara.

Ana Paula se refere à formação on-line Escola para Todos: Promovendo uma Educação Antirracista, disponível gratuitamente na plataforma Escolas Conectadas. Em suas aulas, a educadora dedica seu tempo a promover uma educação que, acima de tudo, forme um cidadão consciente de quem é.

“A baixa autoestima pode limitar o indivíduo para as questões sociais, pessoais e acadêmicas, o tornando um adulto inseguro, infeliz, que se vê como incapaz e até o levando a fazer escolhas arriscadas”, comenta.

Leia mais: O legado de bell hooks para uma educação antirracista

 

Projetos de diversidade e valorização racial

A professora Ana Paula conheceu a plataforma Escolas Conectadas enquanto fazia buscas na internet, ao pesquisar por temas novos e atuais, importantes para a sociedade. Quando encontrou o título Escola para Todos: Promovendo uma Educação Antirracista, se inscreveu no mesmo instante na formação. A professora declara que o curso ampliou seu repertório e abordagens sobre o tema.

“Me apaixonei pela abordagem e dinâmica dos materiais. O que mais me chamou a atenção durante a formação foi o fato da ambiência racial, pois nunca tinha ouvido falar sobre”.

Entretanto, não demorou para que a professora incluísse essa questão em seus projetos pedagógicos. Ela conta que seu primeiro projeto foi levar às escolas o valor do tema para a sociedade. “A abordagem que temos nas escolas do bairro sobre ambiência racial não é das melhores. Meu intuito é valorizar cada aluno, da maneira que são”.

Leia mais: 6 brinquedos e jogos para incentivar uma educação antirracista

 

Discurso e prática alinhados no ambiente escolar

De acordo com a professora, uma educação antirracista combate ativamente toda e qualquer expressão de preconceito, além de valorizar a contribuição histórica africana na formação cultural do Brasil. Mas, para isso, é preciso a participação de toda a comunidade.

“A comunidade precisa se reconhecer e fazer com que as nossas crianças cresçam nutridas de segurança emocional e donas da sua própria história, através do conhecimento de sua cultura”, declara.

Além disso, para a educadora, uma educação antirracista é fundamental para a construção de uma sociedade mais igualitária, garantindo também o direito à educação de qualidade a todos os indivíduos.

“Alguns alunos ainda têm limitações para entender que é uma pessoa negra. Muitos aspectos do nosso cotidiano contribuem para esse desatar, porém é necessária uma abordagem correta e iluminadora”, afirma.

 

Participe do Webinar Gratuito: Educação Antirracista

No mês em que celebramos o Dia da Consciência Negra, você, professor, tem a oportunidade de adquirir conhecimentos sobre a temática antirracista por meio dos conteúdos gratuitos oferecidos pela Fundação Telefônica Vivo:

  • No dia 23/11, às 19h30, participe do Webinar Gratuito: Educação Antirracista, com uma aula imperdível apresentada pelas educadoras responsáveis pelo conteúdo programático do curso Promovendo uma Educação Antirracista, da plataforma Escolas Conectadas. Haverá uma surpresa para quem acompanhar ao vivo a transmissão.  Clique aqui para se inscrever!
  • Realize, gratuitamente, o curso autoformativo Introdução à Educação Antirracista, com uma jornada prática e introdutória ao tema com acesso a planos de aula elaborados por professores de Educação Básica de todo o país. São 16 horas de curso, com direito à certificação. Clique aqui e participe!

E se você quiser se aprofundar no tema educação antirracista, assim como fez a professora Ana Paula, inscreva-se na formação completa Escola para Todos: Promovendo uma Educação Antirracista. O curso mediado tem duração de 50 horas e é oferecido, gratuitamente, pela plataforma Escolas Conectadas. 

Com período de realização de 21/11 a 19/12, a formação é 100% on-line e certificada pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul. Inscreva-se!



ESSE CONTEÚDO FOI INSPIRADOR?

Comentários - 3


Alessandra Vieira Modesto
06/12/22 14:54
muito bom esse tema pra ajudar nas escolas e na sociedade .
Alessandra Vieira Modesto
06/12/22 14:56
muito e esclarecedor .
Rosangela Regina Souza Paes
06/12/22 16:29
O tema foi muito esclarecedor para o nosso conhecimento,mas ainda precisamos,lutar pela nossa conquista,e debatermos em conjunto para a nossa resiliência profissional,fisicamente e otimista para nossa vivência. 

Conteúdos recentes